kortenhorst17_Li ZongxianVCG via Getty Images_windsolar Li Zongxian/VCG via Getty Images

A energia limpa venceu a corrida económica

DENVER – Durante décadas, defendemos no Rocky Mountain Institute (actualmente, RMI), que a transição para a energia limpa custaria menos e seria mais rápida do que esperariam os governos, as empresas e muitos especialistas. Nos últimos anos, esta perspectiva foi plenamente confirmada: os custos das renováveis decresceram de forma consistentemente mais rápida do que a esperada, e a sua implementação decorreu mais rapidamente do que previsto, reduzindo dessa forma ainda mais os custos.

Graças a este ciclo virtuoso, as renováveis instalaram-se. E agora, novas análises de duas credíveis instituições de investigação vieram reforçar a montanha de dados que demonstra ser uma rápida transição para as energias limpas o rumo menos dispendioso a seguir.

Os legisladores, dirigentes empresariais e instituições financeiras precisam urgentemente de considerar as implicações prometedoras deste desenvolvimento. Com a rápida aproximação da Conferência das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas (COP26) de Glasgow, é imperativo que os líderes mundiais reconheçam que a consecução da meta de aquecimento de 1,5º Celsius do acordo de Paris sobre o clima não deve ser encarada como um sacrifício: deve ser encarada como um aproveitamento de oportunidades. O processo de negociação tem de ser reenquadrado, de forma a incidir menos sobre a partilha de fardos e mais sobre uma corrida lucrativa para a implementação de tecnologias energéticas mais limpas e mais baratas.

To continue reading, register now.

As a registered user, you can enjoy more PS content every month – for free.

Register

or

Subscribe now for unlimited access to everything PS has to offer.

https://prosyn.org/EaAdeNept