bachelet3_Mahmoud HjajAnadolu Agency via Getty Images_sudanprotest Mahmoud Hjaj/Anadolu Agency via Getty Images

Proteger a sociedade civil e a democracia

SANTIAGO/NOVA IORQUE – Quando os líderes mundiais se reunirem virtualmente nos dias 9 e 10 de dezembro para a Cimeira pela Democracia do presidente dos EUA, Joe Biden, deveriam colocar uma questão simples a si mesmos: O que é que podemos fazer para ajudar os mais corajosos defensores da democracia, como os manifestantes que estão a arriscar as suas vidas no Sudão?

Durante meses, centenas de milhares de pessoas inundaram as ruas do Sudão, exigindo um governo responsável e o fim do regime militar, apesar de as forças de segurança sudanesas os terem recebido com balas. Dezenas de manifestantes morreram.

A sua coragem não é única. Da Bielorrússia à Bolívia, e até mesmo no Reino Unido e nos Estados Unidos, há líderes e organizações da sociedade civil que estão a liderar movimentos ousados ​​para resistir à opressão estrutural, ao autoritarismo e à injustiça.

To continue reading, register now.

As a registered user, you can enjoy more PS content every month – for free.

Register

or

Subscribe now for unlimited access to everything PS has to offer.

https://prosyn.org/YZuVSiRpt